OPINIÃO

Blog à portuguesa – artigo de Edson de Oliveira

blog opiniao artigo
(Imagem: FreePik)

Tudo o que não passa despercebido de meus incorrigíveis olhos e ouvidos de revisor de texto me inspira a escrever, o que faço com muito prazer quando meu trabalho e minha família deixam, como o termo “blog” me inspirou a fazer após a publicação de meu texto anterior. Das duas, uma: ou o computador do portal substituiu acidentalmente a forma como escrevi a abreviação inglesa, esquecendo-se de alterar o mesmo caso no rodapé do texto, ou o aportuguesamento do anglicismo é proibido.

Antes que algum cliente me pergunte, já vou dizendo: em minha cozinha só sirvo “blog” à portuguesa: “blogue”, com “e”, como BASQUETE, BIPE, BLECAUTE, BLEFE, BUFÊ, BULDOGUE, BUQUÊ, CHEFE, CHIQUE, CHOQUE, CLIPE, CLUBE, CONHAQUE, COPIDESQUE, CRÍQUETE, DEQUE, DRINQUE, DROPE, ESTANDE, ESTEPE, ESTILINGUE, ESTOQUE, ESTRESSE, FILME, FRONTE, GANGUE, GOLFE, IATE, IENE, JIPE, LEIAUTE, LOCAUTE, LORDE, NOCAUTE, PICAPE, PIQUE, PIQUENIQUE, RECORDE, RINGUE, RINQUE, SUINGUE, SURFE, TANQUE, TIME, TÍQUETE, TURFE, VERMUTE e outros exemplos, de origem inglesa ou não, que fico devendo em meu cardápio, afinal, se, escrevendo na língua dos brasileiros, ninguém deixa, por exemplo, “blogueiro” e “bloguista” com cara estrangeira, por que manter “blog” do jeito como veio ao mundo?

A quem me disser que o substantivo “blog” fica estranho com nossa roupa (“blogue”) responderei que não menos estranha fica a flexão verbal “blogue”. Se, por um lado, só mantenho palavras estrangeiras da forma como são escritas na terra onde nasceram quando não as encontro aportuguesadas em nossos dicionários, por outro, só as importo quando em meu idioma me faltam palavras para tentar ser entendido.

Edson de Oliveira. Revisor de textos há mais de 20 anos, corrigindo principalmente legendas de vídeo, transcrição de áudio e textos jornalísticos, é editor dos blogues EFMérides e Blogue da Revisão.

SOBRE O AUTOR

Foto de perfil de Leitor-Articulista

Leitor-Articulista

Espaço aberto para a veiculação de artigos produzidos pelos usuários do Portal Comunique-se. Para ter seu conteúdo avaliado pela redação, com possibilidade de ser publicado na seção 'Opinião', envie e-mail para jornalismo@comunique-se.com.br, com “Leitor-articulista” no assunto.

1 COMENTÁRIO

COMENTAR

Notícias Corporativas

VOTAÇÃO PREMIO COMUNIQUE-SE 2017