Dissertação

Conquistas, impasses e desafios da cidadania LGBT no Rio de Janeiro

parada7-jpg_204908 LGBT no Rio de Janeiro

Esta dissertação busca compreender vitórias, dificuldades e questões a serem superadas para que a população LGBT fluminense consiga ter acesso aos direitos civis que lhe são negados, ou pelo menos, obstaculizados – apesar da existência de um programa estadual de combate à homofobia e promoção da cidadania LGBT no Rio de Janeiro. Em outras palavras, o estudo pretende identificar as conquistas e os impasses desta população em relação às políticas públicas instauradas pelo Estado; e compreender os desafios contemporâneos de seu cotidiano para o pleno exercício da cidadania LGBT.

O trabalho também esmiúça a trajetória e os processos desenvolvidos entre movimento social e governo para a formulação de uma agenda de reivindicações de ações afirmativas, a fim de construir políticas públicas que assegurem a cidadania da população LGBT no Rio de Janeiro. Para isso, examina a construção de sujeitos de direitos a partir do debate, da construção coletiva e das performances e estratégias midiáticas que visam à implantação de políticas públicas para LGBT no RJ, que devem ser entendidas como conquistas do movimento social.

O modelo metodológico seguido foi de entrevistas individuais semiestruturadas com atores que participaram da construção coletiva das políticas públicas do Rio Sem Homofobia, além de coleta e análise dos documentos e relatórios deste programa estadual.