MAIS COMUNICAÇÃO

Dona do ‘Careca TV’, youtuber mirim está curada do câncer

(Imagem: Reprodução/Instagram)

Lorena Reginato, a youtuber mirim que comanda o canal ‘Careca TV’, recebeu alta da quimioterapia para tratamento de câncer no cérebro. A adolescente de Jaú (SP) fez post no Facebook anunciando que está curada. “Foram dois anos difíceis. Perdi muitas veias e muitos amigos, mas ganhei amizades e uma nova vida. Hoje posso dizer que estou curada”, escreveu.

Foram quase 2 anos difíceis, perdi muitas veias e muitos amigos, mas ganhei também ganhei amizades que nunca serão…

Publicado por Careca Tv em Quinta, 26 de janeiro de 2017

Em entrevista ao G1, a youtuber disse que faz planos para a vida sem precisar ir ao hospital regularmente e adiantou que vai se dedicar ao tratamento para voltar a andar e falar normalmente. “Eu ainda não estou andando, mas irei andar novamente. Só não sei quando, mas eu vou”, afirmou ao portal de notícias da Globo.

Lorena ficou conhecida após mobilizar milhões de pessoas nas redes sociais com vídeo no YouTube sobre a doença e o sonho de ser vloger. Logo em seguida, a jovem virou pauta’Fantástico’ . A exposição fez com que sua conta fosse hackeada e seus vídeo excluídos da plataforma, interrompendo momentaneamente o sucesso do canal ‘Careca TV’.

A situação foi superada e, atualmente, Lorena tem mais de 1 milhão de inscritos e mais de 23 milhões visualizações em seus vídeos.

Leia mais:

Após ser invadido, canal ‘Careca TV’ conquista mais de 500 mil inscritos

‘Careca TV’: Após conseguir milhões de acessos, canal de youtuber que teve câncer é excluído

Tags

SOBRE O AUTOR

Foto de perfil de Nathália Carvalho

Nathália Carvalho

Jornalista com oito anos de experiência em reportagem. Especializada na cobertura do mercado de comunicação, bastidores do jornalismo, marketing, publicidade e propaganda. Graduada pela Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação e pós-graduada em Cinema, Vídeo e Fotografia: Criação em Multimeios na Universidade Anhembi Morumbi.

COMENTAR

COMENTAR

Notícias Corporativas

VOTAÇÃO PREMIO COMUNIQUE-SE 2017