TEC & REDES

Kassab sinaliza limitar internet fixa e tem dados divulgados pelo grupo Anonymous

Kassab foi chamado de "ministro fanfarrão" pelo grupo Anonymous (Imagem: Divulgação/Facebook)

“Em algum momento, com a regulamentação, haverá um período de adaptação – o senhor já me explicou isso – em que os assinantes de banda larga fixa teriam um limite no pacote de consumo de dados. É isso?”, questiona o jornalista Fernando Rodrigues ao se dirigir a Gilberto Kassab, em entrevista publicada pelo site Poder360 na quinta-feira, 12.  “Exatamente!”, respondeu o ministro da Tecnologia e Comunicações, deixando claro que, assim como ocorre em dispositivos móveis, a banda larga de internet fixa passaria a ter pacotes limitados no Brasil ainda em 2017.

O conteúdo produzido pelo site dirigido por Rodrigues viralizou nas redes e pautou diversos veículos de comunicação. Nas últimas horas, a afirmação de Kassab, sinalizando que a implementação de tal limite iria ocorrer no segundo semestre deste ano, apareceu em dezenas de sites. A repercussão não foi positiva para o ministro, com internautas reclamando e colocando a hashtag #NaoAOLimiteDeInternet na lista dos termos mais comentados no dia no Twitter.

Ao decorrer do dia, Kassab viu o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Juarez Quadros, dizer à repórter Laís Lis, do portal G1, que não há “nenhuma intenção de reabrir a questão” de liberar limite de dados de navegação em planos de internet fixa. A reportagem do site de notícias do Grupo lembrou, inclusive, que foi decisão da agência reguladora que proibiu que as empresas do setor passassem a limitar a banda larga fixa – ação que ocorreu em 2016 por meio de medida cautelar.

A situação fez com que o ministro voltasse atrás na declaração registrada pelo Poder360 e, por meio de nota divulgada pelo Facebook, garantir que “não haverá mudanças no modelo atual de planos de banda larga fixa”, demonstrando sintonia com o posicionamento da Anatel. Ao desmentir o que ele mesmo disse para o site de Fernando Rodrigues, Kassab pontuou ter o “compromisso em atender o interesse da população e do consumidor”. Ao Poder360, ele demonstrou compreender que “as empresas têm os seus limites”.

Alvo de criminosos virtuais
Resumo da história: Gilberto Kassab disse que a banda larga fixa estaria prestes a deixar de ser ilimitada e voltou atrás no discurso após a repercussão negativa. A mudança de postura por parte do ministro da Tecnologia e Comunicações não foi o bastante para não entrar na mira de criminosos virtuais. No meio da tarde desta sexta-feira, 13, o grupo Anonymous Brasil divulgou dados pessoais do político do PSD. O movimento formado por crackers jogou na rede informações como: endereço, números de telefones fixos e de celulares e até o CPF do integrante do poder Executivo federal.

“O governo voltou atrás, mas o nosso aviso é permanente. Esse vazamento é uma pequena demonstração do que somos capazes de fazer contra um governo que parece ter perdido o medo do povo. Não tem problema, nós estamos aqui para lembrá-los. A base de dados da Anatel é nossa, e os dados do Ministro fanfarrão é de todos. Que tal se alguém solicitar o cancelamento da internet pessoal do Sr. Gilberto Kassab? Ou então… que tal se alguém encomendar uns 30 caçambas de entulho e mandar descarregar na porta da garagem da casa dele?”, afirmou o grupo cracker em post divulgado no Facebook.

SOBRE O AUTOR

Anderson Scardoelli

Jornalista, 28 anos. Formado pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e pós-graduado em "Jornalismo Digital" pela ESPM. Há oito anos no Grupo Comunique-se, onde idealizou os projetos 'Correspondente Universitário', 'Leitor-Articulista' e 'C-SE Acadêmico'. Na empresa, já atuou como freelancer (inserção de conteúdo), estagiário de pesquisa, estagiário de redação, trainee de redação, subeditor e editor-júnior. É, desde maio de 2016, o editor-pleno responsável pelo Portal Comunique-se e pelo conteúdo do Prêmio Comunique-se.

COMENTAR

COMENTAR

Notícias Corporativas

  • SUATV - TV Corporativa, Mural Digital e Digital Signage é SuaTV
  • RIWEB
  • Dino