OPINIÃO

Marketing digital: tendências 2017

O mercado de Marketing Digital recebe inovações a todo momento. Para um profissional desta área, em meio à rotina atribulada comum a esses especialistas, acompanhar as novidades realmente não é fácil. Para ajudar nessa tarefa, no final de 2016, o SEMrush entrevistou os 20 principais especialistas de marketing digital para definir as principais tendências do mercado para o ano 2017 para que você possa considerá-las na hora de criar e implementar suas estratégias.

E-mail Marketing
Os consumidores estão se tornando mais exigentes, eles não querem apenas receber ofertas e promoções, eles querem receber conteúdo. E esse conteúdo deve ser relevante, cativante, gerar interesse e oferecer valor aos usuários.

Também é muito importante repensar a quantidade de e-mails enviados semanalmente – nesse caso a estratégia “menos é mais” é a mais indicada. Troque três envios semanais por um, mas envie e-mails relevantes e bem preparados.

Uma boa dica é apostar na segmentação e oferecer conteúdos diferentes para cada grupo de usuários. Você pode segmentar o seu público por topo, meio ou fundo de funil ou pelo meio que fez o seu lead te conhecer (site, landing page, webinar, e-book etc).

Mídias Sociais e RP
A principal tendência para 2017 é a indexação do conteúdo social. Hoje em dia você já consegue encontrar um ou outro resultado do Twitter nos SERPs, e essa tendência aumentará bastante durante 2017. O Google está começando aproveitar todas as informações disponíveis nas redes sociais que podem servir de respostas para muitas pesquisas. O que isso significa para as empresas? A partir de agora a questão não será só otimizar o site, mas também melhorar a sua presença nas redes sociais.

Para reforçar o seu engajamento aposte nos vídeos – eles estão rapidamente tornando o conteúdo predileto dos usuários, e a última atualização do Facebook – Facebook Live abre novas perspectivas de atrair e fidelizar seus usuários.

SEO
Com crescimento de setor mobile, a tecnologia accelerated mobile page (AMP) está em alta. AMP ajuda a tornar a navegação em dispositivos móveis mais ágil (as páginas em AMP carregam até quatro vezes mais rápido) o que auxilia na melhora da experiência do usuário e consequentemente o posicionamento orgânico.

Experiência do usuário é outra tendência importante. Não basta só otimizar o seu site para as máquinas de busca, você também precisa proporcionar boa experiência para os visitantes. Rapidez de carregamento da página, encriptação de dados do certificado SSL, site mobile, navegação, layout – tudo isso melhora o desempenho do SEO do seu site.

Certificado de segurança HTTPS também é um desses fatores e é uma tendência forte para esse ano. HTTPS é considerado uma estratégia de growth hacking, o conceito de moda que ganha novos adeptos todos os dias na esperança de crescer exponencialmente e com baixo investimento.

Conteúdo
A principal tendência em 2017 é a criação de conteúdo denso. O mercado está saturado de conteúdos parecidos, muitos deles sendo de baixa qualidade. A nova onda é o conteúdo que oferece grande quantidade de informação de maneira direta e objetiva.

Mas isso não significa que a partir de agora só precisamos produzir textos. É a era de multimídia, onde infográficos e vídeos estão em alta.

Vale lembrar que YouTube é o segundo mecanismo de pesquisa com mais buscas, assim, vale a pena criar conteúdo em vídeo e apostar também nesse canal.

Mais uma tendência – personalização de conteúdo em busca de aumentar o engajamento e trazer melhores resultados. Hoje, mais do que nunca, temos vários recursos à nossa disposição, que nos permitem personalizar o conteúdo entregue para cada segmento de nossa audiência, e em 2017 eles começarão a ser amplamente usados pelos profissionais de marketing.

E-commerce
Segundo a Ebit, no final de 2017, mobile já deve representar 40% de todo o faturamento do e-commerce no Brasil.

Para confirmar essa tendência, as redes sociais já ganharam maior integração com o e-commerce. Twitter e Facebook já tem botões “comprar agora”, assim que para aproveitar essa oportunidade, os e-commerces têm que se adaptar ao mobile, pois no Brasil quase 70% dos acesso ao Facebook são feitos a partir de smartphone ou tablets.

Mais uma tendência da área de e-commerce – personalização de ofertas, produtos e listagens. Tendo oportunidade com as ferramentas modernas rastrear e monitorar comportamento de cada usuário, em 2017 finalmente podemos oferecer soluções personalizadas para cada segmento de usuários.

Essas tendências mostram que o mercado de Marketing Digital tem optado por dar ênfase em uma boa experiência do usuário, levando em conta a personalização do conteúdo e o cuidado na hora de entregá-lo, sem excessos e sempre optando por conteúdo relevante sobre os negócios desenvolvidos pela empresa.

Notícias Corporativas

VOTAÇÃO PREMIO COMUNIQUE-SE 2017