JORNALISMO

O Globo e Extra unificam redação e mais de 30 são demitidos

Capas desta quinta-feira, 19, dos jornais Extra e O Globo (Imagens: Divulgação/Facebook)

Mais de 30 funcionários deixaram a Infoglobo nesta quinta-feira, 19. A empresa responsável pelos jornais O Globo e Extra reduziu as equipes das editorias de bairros, cultura, economia, esportes e saúde, entre outras. Demais setores, como diagramação e secretaria, também foram afetados com as demissões realizadas ao longo da manhã.

Diretor de redação de O Globo, Ascânio Seleme informa à reportagem do Portal Comunique-se que a movimentação de hoje não tem nada a ver com “crise econômica” ou “necessidade de redução de custos”. Ele revela que as demissões de agora fazem parte do processo de unificar as redações de O Globo e Extra. A integração de trabalho entre as duas publicações começará a valer a partir de 1º de fevereiro.

Com a unificação das redações dos jornais, Seleme conta que a estratégia visa trazer novos profissionais para a casa. Ele confirma, porém, que mesmo com as contratações a serem feitas, a estrutura da empresa ficará com menos 32 pessoas daqui para frente (considerando o número de funcionários antes dos cortes promovidos hoje).

“Percebemos, em meio ao trabalho de unificação das redações, que tínhamos alguns quadros ‘dobrados’ e áreas comuns nos dois jornais e fizemos ajustes”, diz o diretor de O Globo, que destaca: com a integração, as equipes de jornalismo dos dois diários deixarão a Rua Irineu Marinho e vão se mudar para um “prédio novo”, que fica na Rua Marquês de Pombal (no mesmo espaço mantido pela Infoglobo no bairro carioca de Cidade Nova).

A mudança não será apenas física. Com a redação integrada, o conteúdo produzido por Extra e O Globo terá cada vez mais um olhar para além do meio impresso. É o que promete o próprio Seleme. “Estamos preparando um novo jornal com foco total no digital, principalmente para dispositivos móveis”, afirma o executivo.

Ascânio Seleme explicou para a reportagem do Portal Comunique-se a estratégia de unificação das redações de O Globo e Extra (Imagem: Reprodução/Memória O Globo)

Profissionais demitidos
Na parte responsável pelo noticiário voltado aos bairros da capital fluminense, uma dispensa foi levantada pela reportagem do Portal Comunique-se. Trata-se do editor-assistente Natanael Damasceno, que cuidava do suplemento semanal ‘Zona Sul’. Profissional que construiu carreira na casa, ele estava na publicação desde 2000, quando ingressou como estagiário.

Da equipe de cultura, que cuida do ‘Segundo Caderno’, dois jornalistas foram dispensados: o editor-assistente Eduardo Fradkin e a repórter Natalia Castro. Assim como Damasceno, Fradkin estava há mais de uma década na lista de funcionários de O Globo.

Em economia, mais uma dupla deixa a publicação. Com a decisão da direção da empresa de mídia em reduzir o quadro de colaboradores, a repórter Andrea Freitas (no jornal desde 2010) pediu o seu desligamento. Enquanto isso, Juliana Garçon (contratada desde 2013), também integrante da equipe de reportagens econômicas, foi dispensada.

Fachada do prédio em que atualmente funciona a redação de O Globo (Imagem: Google Maps)

O caderno de esportes do diário sofreu um corte. Quem deixa a editoria é o repórter Marcelo Alves, outro jornalista que pertencia ao time que estava há mais de 10 anos no jornal. Contratado por O Globo desde maio de 2006, ele passou pelas editorias de ‘País’ e ‘Rio’ – até chegar a crônica esportiva em 2010, seção em que cuida do blog ‘Planeta que Rola‘.

Na editoria de saúde, quem deixa o jornal é Jaqueline Falcão (contratada desde 2009), da sucursal em São Paulo. Editor da home page de oglobo.com, Leonardo Pimentel estava na empresa de comunicação desde 2010. Por meio de sua página no Facebook, ele informou que está disponível a novas propostas de emprego. “Povo, escapei de um monte de passaralhos, mas desta vez ele me alcançou, e estou nas estatísticas de desemprego. É ruim? Com certeza. Mas, como disse uma amiga que já me ligou hoje, grave é doença”, escreveu.

Demissões no Extra
Outra publicação mantida pela Infoglobo, o Extra também foi impactado pela onde de cortes desta quinta-feira, 19. De acordo com informações levantadas pela reportagem do Portal Comunique-se deixaram o jornal carioca três profissionais da redação: Clarissa Monteagudo, Fabiana Silva e Samantha Vicentini.

SOBRE O AUTOR

Anderson Scardoelli

Jornalista, 27 anos. Formado pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e pós-graduando em "Jornalismo Digital" pela ESPM. Há oito anos no Grupo Comunique-se, onde idealizou os projetos 'Correspondente Universitário', 'Leitor-Articulista' e 'C-SE Acadêmico'. Na empresa, já atuou como freelancer (inserção de conteúdo), estagiário de pesquisa, estagiário de redação, trainee de redação, subeditor e editor-júnior. É, desde maio de 2016, o editor-pleno responsável pelo Portal Comunique-se e pelo conteúdo do Prêmio Comunique-se.

COMENTAR

COMENTAR

Notícias Corporativas

VOTAÇÃO PREMIO COMUNIQUE-SE 2017