JORNALISMO

Silvia Poppovic é demitida da Jovem Pan após cinco meses na emissora

Após cinco meses no ar, Silvia foi dispensada pela direção da Jovem Pan (Imagem: Divulgação/Zé Paulo Cardeal)

A jornalista Silvia Poppovic foi dispensada pela Jovem Pan na terça-feira, 5, logo após o término do ‘Jornal da Manhã’. Ao lado de Joseval Peixoto e Marco Antonio Villa, o noticiário era ancorado pela profissional desde o início de novembro passado, quando ela foi chamada para substituir Rachel Sheherazade, informou o colunista Flavio Ricco, do Uol.

“É uma pena porque estávamos tendo resultados muito bons, de audiência e de participação do público. Foi uma tremenda surpresa para mim, não esperava”, disse a apresentadora à reportagem do Portal Comunique-se.

Com 36 anos de experiência profissional, Silvia apresentou os primeiros programas de debate na televisão brasileira e acumula passagens por emissoras como Globo, Record, SBT e Band. O trabalho na linha de frente do programa líder de audiência da rádio estava sendo uma estreia.

“Nunca tinha trabalhado diretamente com isso antes, então estava sendo um desafio, uma ótima oportunidade de aprender e estava descobrindo e gostando muito. Sempre procurei ser uma voz mais ponderada ao lado do time”, comentou.

Questionada sobre o motivo de sua demissão, Silvia revela que não faz ideia. “Talvez a emissora queira direcionar sua cobertura ainda mais para o lado político, explorar mais isso”.

Na edição desta quarta-feira, 6, o programa foi comandado por Joseval e Villa ao lado do repórter Thiago Uberreich, que passou a fazer parte da equipe do noticiário matutino nesta semana. A ausência da jornalista não foi esclarecida pelos colegas.

Procurada pela reportagem, a Jovem informou que a prática da emissora é “não comentar demissões”.

*Matéria atualizada em 6/4/2016, às 19h16.

Notícias Corporativas

  • SUATV - TV Corporativa, Mural Digital e Digital Signage é SuaTV
  • RIWEB
  • Dino