CARREIRA

Faculdade Cásper Líbero recebe currículos de professores de comunicação

Instituição de ensino superior focada a formar profissionais para os mais diversos ramos da comunicação social, a paulistana Cásper Líbero está em busca de novos professores. Para isso, a empresa de comunicação anunciou que receberá currículos até 8 de janeiro. O processo, divulgado na internet no último fim de semana, teve início na segunda-feira, 26.

A faculdade divulgou que tem postos de docentes para os cursos de graduação em “Rádio, TV e internet”, “Jornalismo” e “Publicidade e Propaganda”, além de postos para a área de cultura geral. O objetivo da instituição é iniciar o próximo ano letivo com contratados para conduzirem aulas de oito disciplinas distintas…

-Produção e Práticas de Web
-Teoria e Prática da Reportagem
-Fotografia Publicitária
-Administração em Publicidade
-Gestão de Negócios e Empreendedorismo
-Design Publicitário
-Filosofia
-Metodologia de Pesquisa em Comunicação

Para concorrer, os acadêmicos interessados devem preencher formulário disponível no site da recrutadora. Além de inserir informações pessoais (nome completo, data de nascimento e número de CPF), os candidatos precisam marcar as disciplinas das quais gostaria de lecionar, inserir o link de sua página na plataforma Lattes e anexar currículo no formato PDF.

“A exigência mínima é titulação de mestrado e preferencialmente doutores, vivência de mercado e experiência de docência”, explicam os responsáveis pela divulgação do processo seletivo na internet.

Apesar de informar os cursos e as disciplinas em que pleiteia encontrar novos docentes, a Cásper Líbero não divulga o número de exato de vagas em aberto. A instituição adianta que os donos dos currículos selecionados vão enfrentar mais duas fases: entrevista em caráter eliminatório e prova didática (apresentação de aula sobre tema a ser indicado).

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Orelhudo, observador e contador de histórias. Não necessariamente nessa ordem. De sua querida Estância Turística de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, para o mundo. Graduado em jornalismo pela Uninove e com especialização em jornalismo digital pela ESPM, mas gosta mesmo de dizer que foi formado pelo Comunique-se. Trabalha na empresa há mais de 10 anos, indo de estagiário de pesquisa a editor sênior. No meio do caminho, foi estagiário de redação, trainee, subeditor, editor júnior e editor pleno. Gosta de escrever e de falar sobre (adivinhem?) jornalismo!

COMENTAR

COMENTAR