Portal Comunique-se

Quando você quer muito alguma coisa, você consegue – por Lygia Pontes

#EspecialDiaDasMães

Desde criança, escuto minha mãe falar que se eu quiser algo de verdade, eu vou criar alguma estratégia para conseguir. É interessante pensar como essas palavras me ajudaram em diversas áreas da minha vida. Na época da escola, se eu estava preocupada com uma prova, eu me lembrava disso e conseguia encarar o monstro chamado Física. Quando fui prestar vestibular para Relações Públicas e vi que, justo naquele ano, o curso estava entre os mais concorridos da USP, eu também me lembrei dessa fala da minha mãe. E deu certo.

Recentemente, eu usei novamente essas palavras para encarar um grande desafio: abrir minha consultoria. Pensar em largar a estabilidade de um trabalho com carteira assinada em uma grande empresa para mergulhar em um universo até então totalmente desconhecido, o de empreender, era uma loucura. Sem contar que as críticas e os comentários desencorajadores eram frequentes: “que absurdo!”, “isso não vai dar certo.”

Mas, com o tempo, encontrar um trabalho que me trouxesse mais satisfação, além da vontade de realizar um sonho antigo – auxiliar pessoas a trabalharem felizes e, consequentemente, de forma mais eficiente e apoiar empresas a alcançarem suas metas por meio do trabalho de funcionários realizados – ficou cada vez mais forte. Comecei a estruturar o meu negócio mas, de vez em quando, a insegurança aparecia – principalmente quando os críticos surgiam. Nesses momentos, eu me lembrava da fala da minha mãe e seguia em frente. Afinal, eu queria muito realizar aquele sonho.

Hoje, pouco mais de dois anos depois da decisão de abrir a minha empresa, eu vejo o quanto minha mãe foi importante nesse processo e como ela ainda influencia no meu dia a dia. Afinal, sempre que me vejo diante de um desafio e que, em um primeiro momento penso que será impossível vencê-lo, eu paro e me pergunto “eu quero muito isso?”. Se a resposta é sim, defino a minha estratégia e a coloco em prática. Fica simples, né?

Compartilhe
0
0

Anderson Scardoelli

Jornalista, 31 anos. Natural de São Caetano do Sul (SP) e criado em Sapopemba, distrito da zona lesta da capital paulista. Formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e com especialização em jornalismo digital pela ESPM. Trabalhou de forma ininterrupta no Grupo Comunique-se durante 11 anos, período em que foi de estagiário de pesquisa a editor sênior. Em maio de 2020, deixou a empresa para ser repórter do site da Revista Oeste. Após dez meses fora, voltou ao Comunique-se como editor-chefe, cargo que ocupa atualmente.

Adicione um comentário

Publicidade

Papo de Redação

Prêmio 2021

Prêmio Comunique-se

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Prata

Patrocinadores Prata

Patrocinadores Bronze

Patrocinadores Prata