COMUNICAÇÃO

Sinal analógico de TV começa a ser desligado no interior

sinal analogico de tv - desligado - interior
(Imagem: Valter Campanato/Arquivo Agência Brasil)

Ação atinge cidades do interior de todas as regiões do país. Em algumas localidades, o sinal analógico de TV será desligado na próxima semana

O sinal analógico de TV começa a ser desligado na última semana em municípios das regiões Nordeste, Norte, Centro-Oeste, Sul e Sudeste. A medida vai atingir cerca de 80 municípios. De acordo com o Grupo de Implantação do Processo de Redistribuição e Digitalização de Canais de TV e RTV (Gired), responsável por acompanhar o desligamento do sinal analógico no país, o prazo vai até o dia 17 deste mês, no caso de alguns municípios.

mailing-imprensa-cse
(Anúncio)

O grupo decidiu estender os prazos onde ainda não foi atingido o percentual mínimo de 90% dos domicílios com sinal digital. Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que coordena o Gired, “a análise da curva de tendência dos municípios que ainda não atingiram a condição para o desligamento permite concluir que o percentual necessário poderá ser alcançado em poucos dias”.

Entre as cidades que terão o sinal analógico de TV desligado estão:

Desligamento em 5/12

  • Campina Grande (PB)
  • Feira de Santana (BA),
  • Uberaba (MG)
  • Vitória da Conquista (BA)

Desligamento em 9/12

  • Dourados (MS)
  • Governador Valadares (MG)
  • Mossoró (RN)
  • Marabá (PA)
  • Parnaíba (PI)
  • Petrolina (PE)

Desligamento em 17/12

  • Blumenau (SC)
  • Caruaru (PE)
  • Imperatriz (MA)
  • Rondonópolis (MT)
  • Santa Maria (RS)
  • Uberlândia (MG)
  • Jaraguá do Sul (SC),
  • Joinville (SC)
  • Juiz de Fora (MG)

No último dia 28, foi desligado o sinal analógico no oeste do Paraná e sul do Rio Grande do Sul. Na mesma data, teve início o desligamento no interior do Rio de Janeiro e no interior de São Paulo, cujo término está marcado para 12 de dezembro.

Com o desligamento do sinal analógico, haverá a liberação da faixa de 700 MHz, atualmente ocupada por canais de TV aberta. Essa frequência será utilizada para ampliar o serviço de telefonia e internet de quarta geração (4G) no Brasil.

Informando a população

Antes da liberação, será feita uma campanha de mitigação para informar a população sobre como agir em caso de interferência do sinal da banda larga móvel na TV aberta digital. O período de mitigação dura, em média, 30 dias. Após o término desse processo, a Anatel libera o uso da faixa de 700 MHz.

“Os beneficiários de programas sociais do governo federal (como Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida e Tarifa Social de Energia Elétrica) têm direito ao recebimento de um kit gratuito (com antena e conversor). Os beneficiários devem agendar a retirada do kit no site sejadigital.com.br ou ligar no 147. Serão distribuídos 280 mil kits no mês de novembro”, informou a Anatel.

***** ***** ****** ****** ******

Reportagem: Luciano Nascimento
Edição: Graça Adjuto

SOBRE O AUTOR

Agência Brasil

Agência pública de notícias criada em 1989, logo após a incorporação da Empresa Brasileira de Notícias (EBN) pela extinta Empresa Brasileira de Comunicação (Radiobras). Em 2007, com a criação da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que incorporou a Radiobras, passou a integrar o sistema público de comunicação.

COMENTAR

COMENTAR