OPINIÃO

Você está muito velho para tentar algo novo?

cid moreira - youtuber
Cid Moreira: jovem para ser youtuber! (Imagem: reprodução/YouTube)

“Cid Moreira, dono da voz mais conhecida do país, acaba de lançar seu canal no YouTube!”. A iniciativa de Cidão é analisada pelo jornalista Paulo Silvestre, articulista-parceiro do Portal Comunique-se

Você está muito velho para tentar algo novo? Cid Moreira, dono da voz mais conhecida do país, acaba de lançar seu canal no YouTube! Sua carreira de influenciador digital começou há 11 meses, quando lançou sua conta no Instagram.

Leia mais:

Cidão (como é conhecido) vem angariando seguidores nas redes, com pensamentos extraídos de seu cotidiano e de sua história. E assim vai inspirando! Aos 91 anos de idade, Cid Moreira não pensa em parar de produzir.

Isso é um exemplo para profissionais e para empresas. Para o mercado, as pessoas “ficam velhas” cada vez mais cedo.

“Aos 91 anos de idade, Cid Moreira não pensa em parar de produzir”

Empresas se recusam a contratar profissionais já aos 40 anos de idade, quando ainda estão entrando em seu auge intelectual! É uma visão, no mínimo, tacanha e obtusa, desperdiçando capacidades valiosas.

Do lado das pessoas, muitas também “jogam a toalha” cedo demais, por não encontrar oportunidades ou desafios, ou porque -o pior- acreditam nesse papo do “velho aos 40”. Muitos acabam se dedicando a tarefas menores, esperando pela aposentadoria.

Que absurdo!

Ninguém está “velho” aos 40 anos. Cidão demonstra que é possível continuar produzindo e contribuindo com a sociedade até quando quiser, mesmo depois dos 90!

Mudem esse pensamento! Todos ganharão com isso!

Veja a estreia de Cid Moreira como youtuber:

***** ***** ***** ***** *****

Conteúdo publicado originalmente na  página do autor no Facebook.

SOBRE O AUTOR

Paulo Silvestre

Consultor, palestrante e professor de mídia e cultura digital. Jornalista apaixonado por tecnologia, está online desde 1987 e trabalha com comunicação digital desde 1995, quando ajudou a colocar a Folha de S. Paulo na internet. Atuou no UOL, AOL, Abril, Estadão, Microsoft, Samsung e Saraiva. Ministra cursos de pós-graduação no Mackenzie, PUC-SP, ESPM, Metodista e Senac-SP. Foi eleito como um dos brasileiros mais influentes do LinkedIn pelo prêmio Top Voices. Nessa rede, é o terceiro com mais seguidores (atualmente mais de 500 mil).

COMENTAR

COMENTAR