Portal Comunique-se

Após censurar jornalista, Antonio Tabet sai pela “porta dos fundos” d’O Globo

O Globo encerrou a coluna de Antonio Tabet, criador do Porta dos Fundos e atual vice-presidente de comunicação do Flamengo. O humorista, que tinha espaço na seção de política, escreveu texto que critica a atuação dos jornalistas do Extra, marca do Grupo Globo. Um pouco antes disso, o Flamengo chegou a impedir que Diogo Dantas, repórter do Extra e do Globo, fizesse pergunta durante uma coletiva, o que já mostrava o desconforto entre a imprensa e Tabet.

Na última coluna publicada no domingo, 1° de outubro, o VP do Flamengo contou como chegou ao mundo da comunicação e afirmou que antigamente os jornalistas não se preocupavam apenas com a urgência da informação, mas também com a qualidade. Ela usou esse gancho para reforçar que existem muitos profissionais bons no mercado, mas também “há uns do Extra”.

“Se, por um lado, o jornalismo evoluiu abandonando as máquinas de datilografar e os cigarros em ambiente fechado, por outro virou uma desgraça. É o jornalismo esportivo ‘Nutella”,’da geração que, só por ter uma rede social, acha que se formou em ‘Nelson Rodrigues’ na faculdade da vida”, escreveu Tabet. O humorista e dirigente flamenguista segue ao dizer que os editores desta nova geração de jornalistas querem “te tratar como ‘Pânico na TV’, mas serem tratados como Caco Barcellos”.

https://www.facebook.com/aptabet/posts/10159557832330601

No final do texto, o veículo inseriu uma nota explicando que Extra e O Globo nunca desrespeitaram o Flamengo, que fazem jornalismo crítico e também usam do humor, algo que não foi percebido por Tabet. “O humorista Antonio Tabet, vice-presidente de comunicação do Flamengo, levou a sério. Mas, no dia em que o jornal retratou críticas da torcida a Tabet, o clube, em retaliação, decidiu impedir que um repórter do Extra e também do Globo fizesse perguntas durante uma entrevista coletiva, num ato de cerceamento de acesso à informação”, expôs o veículo.

Coluna de Antonio Tabet além de O Globo

Por meio do Facebook, Tabet explicou que não é funcionário d’O Globo e que existe um contrato com deveres para ambas as partes. Ele afirma que, embora a coluna estivesse na seção de política, nunca teve problemas por falar de outros temas, até o dia de ontem. Sobre a apuração dos jornalistas, ele diz que apenas três profissionais o procuraram para apurar questões ligadas ao clube e que nenhum deles era do Extra. Ainda na nota, o humorista afirma que a coluna seguirá sendo publicada em outro espaço.

Acompanhe as publicações do Portal Comunique-se nas redes sociais:

instagram-comuniquese1youtube-comuniquese1

Compartilhe
0
0

Redação

Equipe responsável pela produção de conteúdo do Portal Comunique-se.

Papo de Redação

Prêmio Comunique-se

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Ouro



Patrocinadores Prata

Patrocinadores Prata



Patrocinadores Bronze

Patrocinadores Prata