COMUNICAÇÃO

Jornalista Wianey Carlet morre aos 68 anos

Wianey Carlet-jornalista
(Imagem: Reprodução/Governo RS.GOV)

Morreu na madrugada de sexta-feira, 29, o jornalista Wianey Carlet.  Ele estava internado na Santa Casa de Porto Alegre e não resistiu a um infarto sofrido na quinta-feira, 28. Natural de Três Passos, o profissional trabalhou por 22 anos no Grupo RBS como repórter e comentarista da Rádio Gaúcha, além de ter sido colunista de Zero Hora.

O jornalista deixou o Grupo RBS em julho, demitido após fazer comentário sobre a morte do seu colega de trabalho Paulo Sant’Ana. Na ocasião, ele disse não sentir a morte de Sant’Ana e o xingou, logo em seguida. Em agosto, Wianey foi contratado pela Rádio Bandeirantes de Porto Alegre.

Confira o comentário de Pedro Ernesto sobre Wianey no Gaúcha Atualidade:

Wianey estava internado para realizar cirurgia vascular nas pernas em função do diabetes. Ele sofreu uma parada cardíaca em consequência e, apesar da instalação de um suporte circulatório, não resistiu. O comunicador foi velado na sexta-feira, 29, no crematório Saint Hilaire, em Viamão. O sepultamento foi realizado no sábado, às 11h, no mesmo local.

Nas redes sociais, muitos jornalistas, ouvintes e admiradores do trabalho de Wianey realizaram homenagens, como a do Internacional de Porto Alegre por exemplo.

 

Descanse em paz. A coluna se solidariza com amigos e familiares.

SOBRE O AUTOR

Anderson Cheni

Anderson Cheni

Jornalista. Editor do blog Cheni no Campo, apresentador e comentarista da RIT TV, comentarista esportivo do Portal Terra e colunista de esportes da Nossa Rádio FM. Com mais de 20 anos de atuação na cobertura esportiva, soma passagens por emissoras de rádio de Mato Grosso e Capivari (SP). Em São Paulo, trabalhou nas rádios Record, Capital, Globo e CBN e nas TVs Sky e Rede Brasil. Foi editor-chefe do extinto jornal O Fiel.

1 COMENTÁRIO

COMENTAR

Notícias Corporativas