COMUNICAÇÃO

Radialista por acaso, Zé Bettio morre aos 92 anos

morre o radilalista ze bettio
O radialista Zé bettio (Imagem: Portal Terceiro Tempo)

Comunicador popular que construiu carreira no rádio estava aposentado dos microfones. Radialista – e artista – Zé Bettio morreu na cidade de São Paulo

Baixa para a comunicação popular brasileira. Um dos principais nomes do rádio AM do país desde a década de 1970, Zé Bettio morreu na madrugada de segunda-feira, 27. Aos 92 anos, o radialista estava em sua casa no bairro Horto Florestal, zona norte de São Paulo. Informações dão conta que ele faleceu enquanto dormia.

Natural de Promissão, cidade do interior paulista, Zé Bettio demorou para começar a trabalhar no meio radiofônico. Suas primeiras atividades foram no ramo musical. Como integrante do trio Sertanejos Alegres, ele fez shows pelos estados de São Paulo e Paraná. O grupo era completado por Antonio Moraes e Afonso.

Após o fim do grupo, ele seguiu na área artística. Tocando sanfona, participou de concurso de calouros da Rádio Tupi. Em meio à disputa, conheceu outros músicos e criou um novo projeto. Surgia, assim, Zé Bettio e seu Conjunto. O então grupo de música sertaneja começou a fazer apresentações ao vivo em emissoras de rádio, quando…

morre o radilalista ze bettio - sanfoneiro
Zé Bettio começou a carreira como sanfoneiro (Imagem: arquivo/divulgação)

Locutor por acaso

… Em uma apresentação na Difusora de Guarulhos, o grupo soube que o locutor tinha faltado. Os diretores pediram, e Zé Bettio aceitou o desafio de cobrir o espaço da programação. Dessa forma, em meados da década de 1960, surgia a carreira de radialista do então sanfoneiro. Seguiu na emissora da Grande São Paulo e foi contratado pela Rádio Cometa anos mais tarde.

Destaques da carreira

No início da década de 1970, o talento do então jovem comunicador foi reconhecido por um grande grupo de comunicação. Ele foi contratado para ser um dos locutores do 1000 AM da Rádio Record de São Paulo. De acordo com a seção ‘Que Fim Levou’, do Portal Terceiro Tempo, em dois anos no ar, foi responsável por um feito. Levou a emissora do 14º para o primeiro lugar da audiência. Sua atração foi, ainda, responsável por lançar duplas sertanejas no mercado, caso de Milionário & José Rico.

Com mais de 10 anos ininterruptos no ar pela Rádio Record, Zé Bettio trocou de casa em 1984, quando foi contratado pela Rádio Capital. Passou, ainda, pela Gazeta AM e retornou à Rádio Record, onde se aposentou da função de radialista em 2009. Nos últimos anos, recuperava-se de um acidente vascular cerebral (AVC) sofrido em 2016 e vivia entre as cidades de Garça e Rinópolis, ambas no seu querido interior paulista.

Relembre momentos do comunicador

***** ***** ***** ***** ****

Com informações do Portal Terceiro Tempo e do Tudo Rádio.com.

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Orelhudo, observador e contador de histórias. Não necessariamente nessa ordem. De sua querida Estância Turística de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, para o mundo. Graduado em jornalismo pela Uninove e com especialização em jornalismo digital pela ESPM, mas gosta mesmo de dizer que foi formado pelo Comunique-se. Trabalha na empresa há mais de 10 anos, indo de estagiário de pesquisa a editor sênior. No meio do caminho, foi estagiário de redação, trainee, subeditor, editor júnior e editor pleno. Gosta de escrever e de falar sobre (adivinhem?) jornalismo!

COMENTAR

COMENTAR