COMUNICAÇÃO

Nova temporada do Repórter Record Investigação estreia com denúncia de esquemas de corrupção

Repórter Record Investigação

A nova temporada do programa Repórter Record Investigação estreia hoje (7) com uma denúncia de esquemas de corrupção que desviaram mais de R$ 100 milhões dos cofres públicos. O caso envolve os municípios que se encontram na rota da Estrada de Ferro Carajá, no Maranhão.

Para a produção da reportagem, a equipe do programa teve acesso a contratos, documentos e vídeos exclusivos. A partir da análise de mais de duas mil páginas de documentos, nos últimos quatro meses, Adriana Araújo e os jornalistas Gustavo Costa, Laura Ferla e Mariana Ferrari seguem o caminho da estrada de ferro com a missão de mostrar como o vai e vem dos trens que carregam minério de ferro afeta milhares de famílias ao longo da ferrovia brasileira.

Leia mais:

Seleções de rachadinhas – Por Heródoto Barbeiro
Agência Pública e Idec distribuem bolsas para produção de reportagens

Além dos esquemas de corrupção, o programa, que vai ao ar às 22h30, mostrará ainda como a extração de minério na região impacta a saúde das pessoas, seja com a nuvem de poeira deixada pelos vagões do trem ou por meio da contaminação dos rios da região.