PAUTAS & NOTAS

TV Aparecida supera Record e SBT em premiação

TV Aparecida - Record - premiação
Premiação com a produtora Bruna Reis e a repórter Gabriela Leite. (Imagem: divulgação)

Prêmio do Tribunal Superior do Trabalho colocou a TV Aparecida em primeiro lugar em ‘Telejornalismo’. Na disputa, Record e SBT completaram o pódio

A Record TV, contudo, conquistou dois reconhecimentos em outras premiações. Enquanto isso, o Prêmio Estácio de Jornalismo consagrou reportagem da GloboNews

1º lugar

O mês de novembro foi de comemoração na TV Aparecida. A equipe da emissora pode dizer que ficou à frente de todas as suas concorrentes na televisão aberta. Ao menos na categoria ‘Telejornalismo’ da edição deste ano do prêmio de jornalismo promovido pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST). O canal ficou em primeiro e superou Record e SBT.

Leia mais:

O programa ‘Arquivo A’ foi o responsável pelo reconhecimento divulgado em 13 de novembro. Exatamente cinco meses antes, a atração, que é exibida às 22h de quinta-feira, levou ao ar reportagem sobre trabalho infantil no Pará. O material mostrou, entre outros pontos, que cerca de 170 mil crianças e adolescentes são obrigados a trabalhar no estado nortista. A repórter Gabriela Leite, a produtora Bruna Reis e o cinegrafista Robson Carvalho formaram a equipe do conteúdo que rendeu premiação à TV Aparecida.

Duplamente premiada

A Record TV não ficou em primeiro lugar no prêmio do TST. O departamento de jornalismo da emissora de Edir Macedo, porém, conquistou duas vitórias em outras premiações realizadas ao decorrer de novembro. Aliás, o duplo reconhecimento foi consolidado na mesma data: noite de 21 de novembro. O canal foi eleito o melhor nas categorias ‘Televisão’ do Prêmio Estácio de Jornalismo e do Prêmio Policiais Federais de Jornalismo.

No Prêmio Estácio de Jornalismo, a Record TV foi ganhadora com a reportagem ‘Médico Genial’. A matéria contou com trabalhos de Marcelo Souza, Janaina Demarque, Lúcio Sturm, Clóris Akonteh, Yu Teh Huang, Fábio Ribeiro e Daniel Arcanjo. “Brasileiros traficados e escravizados em garimpos clandestinos da Guiana Francesa” foi o conteúdo vitorioso do Prêmio Policiais Federais de Jornalismo. A equipe foi formada por Daniel Motta, Marcus Reis, Rodrigo Favero, Antonio dos Santos e André Caramante.

Grande Prêmio Estácio de Jornalismo

Mario Caje, Leila Sterenberg, Ariel Palácios, Simone Delgado, Joy Ernanny e Marita Graça Bittencourt. Esses foram os jornalistas envolvidos na reportagem “Financiamento e qualidade das Universidades Públicas”. A matéria exibida pela GloboNews conquistou o Grande Prêmio Estácio de Jornalismo. A festa em que o troféu foi entregue ocorreu na semana passada, em novembro.

“Foi uma surpresa, pela qualidade do trabalho de todos. A gente fez esse programa no calor dos acontecimentos, quando os contingenciamentos estavam acontecendo nas universidades. Agradeço a toda a nossa equipe”, vibrou Leila Sterenberg. “O país só avança quando acredita na educação”, completou Mario Cajé, também autor da reportagem vencedora da GloboNews.

premio estácio de jornalismo - record - tv aparecida
(Imagem: divulgação)

Além do reconhecimento à GloboNews, a equipe do Prêmio Estácio de Jornalismo divulgou a lista completa dos vencedores da edição 2019. Confira:

Modalidade Nacional

Internet
“Era uma vez um sertão que sonhou que podia ir para a universidade”
Nayara Felizardo
The Intercept Brasil

Impresso
“À procura da felicidade”
Larissa Lopes, Thiago Tanji, Mayra Martins, Yorka e Tipocali
Revista Galileu

TV 
“Médico genial”
Marcelo Souza, Janaina Demarque, Lúcio Sturm, Clóris Akonteh, Yu Teh Huang, Fábio Ribeiro e Daniel Arcanjo
Record TV

Rádio
“O diploma distante”
Rodrigo Resende
Rádio Senado

Modalidade Regional

Internet
“O projeto meninas na ciência, que incentiva estudantes da Serra a aprender engenharia e computação”
Guilherme Justino e Jefferson Botega
Zero Hora

Impresso
“Para que serve um bolsista”
Itamar Melo e Valeska Linauer
Zero Hora

TV
“Série confisco – História revista”
Renato Franco, Bruna Cevidanes, William Félix e Romina Farcae
Rede Minas

Rádio
“Especial: direito de ser o que é”
Ana Luiza Bongiovani, Júlio Vieira, Ike Yagelovic e Gabriel Faleiro
BandNews FM – Belo Horizonte

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Orelhudo, observador e contador de histórias. Não necessariamente nessa ordem. De sua querida Estância Turística de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, para o mundo. Graduado em jornalismo pela Uninove e com especialização em jornalismo digital pela ESPM, mas gosta mesmo de dizer que foi formado pelo Comunique-se. Trabalha na empresa há mais de 10 anos, indo de estagiário de pesquisa a editor sênior. No meio do caminho, foi estagiário de redação, trainee, subeditor, editor júnior e editor pleno. Gosta de escrever e de falar sobre (adivinhem?) jornalismo!

COMENTAR

COMENTAR