COMUNICAÇÃO

Felipe Moura Brasil é o novo diretor de jornalismo da Jovem Pan

felipe moura brasil novo diretor de jornalismo da jovem pan
Felipe Moura Brasil durante edição de 'Os Pingos nos Is'. Ele assume o comando da redação da JP (Imagem: reprodução)

Profissional passa acumular a função executiva com a apresentação de ‘Os Pingos nos Is’. Então diretor de jornalismo, José Carlos Pereira segue como vice-presidente da Jovem Pan

A Jovem Pan tem um novo diretor de jornalismo. Aos 37 anos, Felipe Moura Brasil assume o cargo no lugar de José Carlos Pereira, que permanece na emissora radiofônica como vice-presidente e braço direito do mandatário Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, o Tutinha. A informação sobre a mudança no comando do núcleo noticioso da empresa de comunicação foi divulgada em primeira mão por Flavio Ricco, no UOL, e confirmada pela reportagem do Portal Comunique-se nesta segunda-feira, 20.

jovem pan - felipe moura brasil - logo - diretor de jornalismo
(Imagem: divulgação/Jovem Pan)

Felipe Moura Brasil chegou à Jovem Pan em junho de 2017. Na ocasião, foi contratado junto de Joice Hasselmann para conduzir a nova versão de ‘Os Pingos nos Is’, que tinha deixado a grade após a saída de Reinaldo Azevedo da emissora. Com a retirada da comunicadora em fevereiro de 2018, Felipe Moura Brasil assumiu a condição de principal apresentador do programa. Sob seu comando, a atração permaneceu tendo sucesso no dial e nas redes sociais. Só no YouTube, a íntegra de cada edição — transmitida ao vivo por meio da plataforma de vídeos — conta com mais de 300 mil visualizações.

‘Os Pingos nos Is’ seguirá com apresentação de Felipe Moura Brasil. Além de âncora do programa que é transmitido de segunda a sexta, das 18h às 19h30, ele terá boa parte da grade da Jovem Pan sob seu guarda-chuva. Como diretor de jornalismo, será o responsável direto pela gestão de mais de seis horas diárias da programação do veículo de comunicação. Sob seu guarda-chuva, estarão os noticiosos ‘Jornal da Manhã’, ‘Ligado na Cidade’, ‘Jornal Jovem Pan’ e ‘3 em 1’. Terá a responsabilidade, ainda, de gerir os boletins informativos transmitidos ao decorrer dos intervalos comerciais.

Blog do Pim

Hoje apresentador de rádio e o mais novo executivo de veículo de comunicação do país, Felipe Moura Brasil começou a se destacar na mídia escrita. Era o responsável pela página independente denominada Blog do Pim, em alusão ao seu apelido de infância. O trabalho chamou a atenção da Veja. Foi contratado quando o título da Editora Abril ainda era dirigido por Eurípedes Alcântara. O jornalista permaneceu como colaborador do site da publicação de dezembro de 2013 a abril de 2017. Trocou a marca pelo site O Antagonista, onde até o momento segue como integrante da equipe. É o responsável pelos vídeos batizados de “Resumão Antagonista”.

Você sabia? Felipe Moura Brasil matinha um blog independente – o Blog do Pim – quando foi contratado pela Veja

Olavete

Aluno de Olavo de Carvalho, o agora diretor de jornalismo da Jovem Pan é responsável pelo best-seller assinado pelo filósofo. Ele é organizador de O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota. Lançado pela Editora Record no início de 2013, o livro apresenta ao leitor 193 artigos e ensaios escritos por Olavo e publicados originalmente em diversos veículos da imprensa brasileira ao decorrer das últimas décadas. A publicação constou nas listas de mais vendidos e, atualmente, tem cada exemplar vendido por R$ 89,90.

Influenciador

O mais novo diretor de jornalismo da Jovem Pan também é um influenciador digital. Felipe Moura Brasil possui mais de 1,1 milhão de seguidores no Twitter (mais do que a conta da emissora, que tem 410 mil seguidores em seu perfil no microblog). No Facebook, a fan page oficial do comunicador conta com mais de 350 mil curtidas. No Instagram, o número de seguidores ultrapassa a barreira de 218 mil. O sucesso nas plataformas digitais culminou com o título de “maior influenciador político no Twitter do Brasil”. Ele apareceu no topo do estudo feito pela Stilingue em 2016. Agora, à frente do jornalismo da JP, Felipe Moura Brasil terá a missão de influenciar — e liderar — toda uma redação.

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Orelhudo, observador e contador de histórias. Não necessariamente nessa ordem. De sua querida Estância Turística de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, para o mundo. Graduado em jornalismo pela Uninove e com especialização em jornalismo digital pela ESPM, mas gosta mesmo de dizer que foi formado pelo Comunique-se. Trabalha na empresa há mais de 10 anos, indo de estagiário de pesquisa a editor sênior. No meio do caminho, foi estagiário de redação, trainee, subeditor, editor júnior e editor pleno. Gosta de escrever e de falar sobre (adivinhem?) jornalismo!

9 Comentários

COMENTAR