COMUNICAÇÃO

Após demissão em massa, Band é impedida de realizar novos cortes

band demissao massa

Em decisão liminar, o Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) impede que a Band realize novos cortes até a data da audiência

O início deste ano não foi bom para diversos profissionais da imprensa. Em demissão de massa, a Band dispensou cerca de 130 jornalistas e radialistas no último dia 4 de janeiro. Agora, em ação judicial movida pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo (SJSP) e pelo Sindicato dos Trabalhadores em Empresas da Radiodifusão e Televisão do Estado de São Paulo, a empresa de comunicação foi impedida de realizar novos cortes.

Em reportagem do SJSP, as informações dão conta de que a decisão liminar do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) impede novas demissões sem prévia negociação com a entidade até a data da audiência, marcada para quarta-feira, 17. Se a emissora descumprir a medida, a multa é de R$ 15 mil para cada trabalhador dispensado.

Na última semana, os sindicatos realizaram protesto em frente à Band contra as demissões. As entidades contam que a empresa de comunicação alega ajuste em suas operações, reestruturação e reorganização do quadro profissional como justificativa para o corte em massa.

Diante da situação, o sindicato convocou os profissionais demitidos para uma reunião na quarta-feira, 17, às 13h30, no auditório da entidade, que fica na rua Rego Freitas, 530. Logo em seguida, às 15h, será realizada a audiência no TRT-2, na rua da Consolação.

A reportagem do Portal Comunique-se entrou em contato com a Band, mas ainda não teve retorno.

Leia mais

SOBRE O AUTOR

Redação Comunique-se

Redação Comunique-se

Equipe responsável pela produção de conteúdo do Portal Comunique-se. Atualmente, a redação é composta pelo editor Anderson Scardoelli e a repórter sênior Nathália Carvalho.

2 Comentários

COMENTAR