Portal Comunique-se

Cinegrafista é demitido da Globo após denúncia de assédio sexual

globo - cinegrafista - assédio sexual - jogos olimpicos
(Imagem: Divulgação/Globo)

É o que informa o site da revista Veja Rio

Compartilhe

De escalado para cobrir a edição dos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, a profissional demitido. Com 15 anos de Rede Globo de Televisão, o cinegrafista Mikael Fox deixou a cidade-sede das Olimpíadas, voltou ao Brasil e acabou dispensado pela direção da emissora no último fim de semana. Tudo isso teria ocorrido por causa de denúncia de assédio sexual contra uma produtora, informou o site da revista Veja Rio.

Leia mais:

Ainda de acordo com a equipe da Veja Rio, o caso que culminou na denúncia de assédio sexual e, consequentemente, na demissão do repórter cinematográfico teria ocorrido “numa reunião informal” em um dos quartos do hotel em que a equipe da Globo está hospedada para a cobertura dos Jogos Olímpicos.

Em nota, a direção da Rede Globo de Televisão não comentou o caso em si. A emissora, contudo, confirmou que Mikael Fox já não é mais seu funcionário e enfatizou não tolerar “comportamentos abusivos”.

Assédio sexual envolvendo cinegrafista. Posicionamento da Globo

Confira, abaixo, a nota enviada pela Globo à redação da Veja Rio:

Por decisão da Globo, que não foi tomada por nenhum profissional do time que está em Tóquio, o repórter cinematográfico Mikael Fox não faz mais parte do time de Esporte da empresa. Sobre os questionamentos de compliance, a Globo não comenta assuntos de Ouvidoria, mas reafirma que todo relato de assédio, moral ou sexual, é apurado criteriosamente assim que a empresa toma conhecimento. A Globo não tolera comportamentos abusivos em suas equipes.

Compartilhe
0
0

Anderson Scardoelli

Jornalista, 31 anos. Natural de São Caetano do Sul (SP) e criado em Sapopemba, distrito da zona lesta da capital paulista. Formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e com especialização em jornalismo digital pela ESPM. Trabalhou de forma ininterrupta no Grupo Comunique-se durante 11 anos, período em que foi de estagiário de pesquisa a editor sênior. Em maio de 2020, deixou a empresa para ser repórter do site da Revista Oeste. Após dez meses fora, voltou ao Comunique-se como editor-chefe, cargo que ocupa atualmente.

Publicidade

Papo de Redação

Prêmio 2021

Prêmio Comunique-se

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Prata

Patrocinadores Prata

Patrocinadores Bronze

Patrocinadores Prata