Portal Comunique-se

Desafio de inovação do Google News: conheça os projetos brasileiros selecionados

Desafio de inovação do Google News: conheça os projetos brasileiros selecionados
Imagem: iStock

Ao todo, 21 veículos de comunicação da América Latina farão parte do programa

Compartilhe

Oito projetos brasileiros foram selecionados para receber apoio financeiro do Google News Initiative (GNI). As ideias selecionadas foram avaliadas para a nova edição do Desafio de Inovação, que teve inscrições iniciadas em março deste ano e é composto por organizações ligadas ao jornalismo de nove países da América Latina.

Leia mais:

Segundo o Google, os projetos contemplados nos nove países receberão, no total, o financiamento de US$2 milhões. Individualmente, o valor poderá chegar a US$ 250 mil, que deverá ser utilizado para o desenvolvimento das propostas enviadas à empresa americana.

O objetivo do auxílio do GNI é contribuir com a promoção de um “ecossistema de notícias mais sustentável e diverso” para o jornalismo latinoamericano. Para o head de Inovação do núcleo do Google, Ludovic Blecher, essa é, inclusive, uma forma de enfrentar desafios vividos atualmente.

“Inovar, essencialmente, é desenvolver processos criativos e explorar novas abordagens para mudar a maneira como uma organização ou mesmo todo um ecossistema enfrenta seus maiores desafios no momento”, pondera Blecher.

Desafio de inovação do Google News 2021

Nesta edição do programa, as organizações participantes foram selecionadas com base em seu impacto, transformação, inovação e diversidade. No Brasil, as propostas enviadas poderiam envolver temas como inteligência artificial e aprendizado de máquina, visualização de dados, desenvolvimento de novas ferramentas e criação de novas formas de interação com o público.

Veja, na íntegra, a lista de veículos de comunicação brasileiros selecionados para a segunda edição do programa, segundo comunicado enviado ao Portal Comunique-se:

  • Associação Fiquem Sabendo: A ‘Agenda Transparente’ é uma plataforma de transparência voltada a auxiliar o trabalho de jornalistas por meio do monitoramento em tempo real das agendas das autoridades e agentes públicos brasileiros, a partir de informações hoje disponibilizadas de modo disperso e não padronizado na internet.
  • Folha de S. Paulo: O ‘Voz Delas’ é uma ferramenta de monitoramento que vai apontar aos jornalistas em tempo real a representatividade de mulheres nos diversos conteúdos em produção do jornal. Por meio de aprendizado de máquina e inteligência artificial, os jornalistas receberão sugestões de mulheres especialistas que poderiam ser entrevistadas para cada tema.
  • Estado de Minas: Baseada em IA, a ‘Scoop’ é uma plataforma voltada à identificação de pautas e tendências de assuntos por meio do monitoramento de redes sociais, gerando alertas personalizados para jornalistas na redação. A solução pode ser ajustada por editoria ou tema de interesse.
  • AppCívico: O ‘Facts-NFT’ cria um novo modelo de negócios para o jornalismo, convertendo conteúdos jornalísticos históricos em produtos digitais exclusivos, NFTs (non-fungible token) que poderão ser comprados, colecionados e revendidos.
  • Rede Gazeta: Com o intuito de auxiliar veículos pequenos e médios em seus processos de digitalização, o ‘Gazeta SDK’ é um pacote de soluções digitais voltadas à otimização da produção, edição e gerenciamento móvel de conteúdo multimídia.
  • Revista AzMina: O ‘Amplifica’ é uma ferramenta que visa facilitar a participação da comunidade com os sites de notícias, usando ferramentas de monitoramento de redes sociais para organizar um fluxo orgânico de conteúdo e, assim, aproximar as pessoas e enriquecer discussões importantes.
  • Marco Zero Conteúdo: em colaboração com outros nove sites jornalísticos do Nordeste brasileiro e a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), o projeto cria uma ferramenta para diagnosticar problemas de acessibilidade em sites jornalísticos e identificar conteúdos de qualidade, acessíveis e inclusivos.
  • Projeto #Colabora: projeto colaborativo vai monitorar Diários Oficiais de municípios brasileiros e, por meio de aprendizado de máquina, extrair informações de atos públicos referentes a temas ambientais e disponibilizar de modo organizado para jornalistas, empresas e ONGs.

Além do Brasil, outros cinco países também foram contemplados no programa, chegando ao número de 21 projetos participantes. No total, o valor de US$2 milhões será compartilhado com cinco projetos da Argentina, dois do Peru, um da Bolívia, um da Colômbia, um da Costa Rica, um da Guatemala, um do México e um de El Salvador.

Iniciativas do GNI

Desde a sua criação no Brasil, em 2018, o Google News Initiative tem desenvolvido diversos programas que têm como objetivo o apoio à produção de conteúdos jornalísticos no país. Alguns exemplos de iniciativas são o programa de aceleração de startups jornalísticas, o projeto de educação midiática, em parceria com o Instituto Palavra Aberta, e o programa de crescimento digital, destinado a empresas de mídia.

Compartilhe
0
0

Julia Renó

Jornalista, 23 anos. Natural de São José dos Campos (SP), onde vive atualmente, após temporadas em Campo Grande (MS). Formada pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (MS) e voluntária da ONG Fraternidade sem Fronteiras, integra o time de jornalistas do Grupo Comunique-se desde julho de 2020.

Publicidade

Papo de Redação

Prêmio 2021

Prêmio Comunique-se

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Prata

Patrocinadores Prata

Patrocinadores Bronze

Patrocinadores Prata