CARREIRA

Como é escrever roteiros para a Netflix?

rafael lessa - roteirista - netflix - imprensa mahon
(Imagem: divulgação/Imprensa Mahon)

Rafael Lessa, roteirista da produtora Los Bragas e um dos autores de ‘Samantha!’, foi entrevistado pela Imprensa Mahon. Ele fala da experiência de ter criado uma série da Netflix

O roteirista Rafael Lessa, da produtora Los Bragas e um dos autores de ‘Samantha!’, contou sobre sua experiência de escrever para uma série da Netflix. Explicou que é preciso ir além do talento audiovisual para trabalhar com a plataforma. “É muito diferente trabalhar para a Netflix, os feedbacks na maioria das vezes vêm em inglês. É uma dica já para quem sonha trabalhar com eles, não adianta ser bom roteirista, tem que ser uma pessoa que saiba trabalhar bem em equipe, e tem que saber falar, escrever e entender bem o inglês”, disse em entrevista à Imprensa Mahon, canal parceiro do Portal Comunique-se.

Rafael Lessa afirmou com são as avaliações feitas pela empresa. “Os feedbacks são muito precisos, nem sempre a gente concorda com eles, mas existe ali uma visão muito articulada do que é o produto, onde eles querem chegar com ele, e eles sabem exatamente quem é o público alvo. Diferentemente de outros canais com os quais já trabalhei, A Netflix mantém uma frequência muito grande de feedbacks e sabemos que estamos trabalhando com pessoas que se formaram nas melhores escolas dos Estados Unidos, que vêm com muita bagagem”, elogiou.

Dicas para roteiristas

Questionado pela apresentadora Krishna Mahon quais os Lessa quais os principais erros que um roteirista em início de carreira deve evitar, Rafael Lessa não titubeou. Ele deu dicas aos colegas de mercado audiovisual. “Não saber ouvir feedback, ficar magoado e entrar num modo que te paralise. Privulgação/Imprensaa ser roteirista não é só saber escrever, fazer uma estrutura. Tem que ter um bom jogo social. Às vezes eu pergunto se eu sou bom roteirista ou se eu sou muito charmoso. As vezes você ser uma pessoa agradável numa sala de roteiro muda tudo, e isso de não levar pro pessoal faz parte de ser uma pessoa que as pessoas querem convidar”, respondeu o entrevistado.

Assista à entrevista com o roteirista Rafael Lessa:

Leia mais – ‘Imprensa Mahon’:

SOBRE O AUTOR

avatar

Krishna Mahon

Graduada em jornalismo e cinema, com curso de extensão em ficção científica pela Universidade de Michigan (EUA) e bagagem considerável pelo meio televisivo - meio em que atua há mais de 20 anos. Já passou por Rede Minas, Discovery, Mixer Films. De 2010 a maio de 2018, fez parte da equipe da A&E Television, onde já foi produtora executiva e respondeu como diretora de conteúdo original dos quatro canais da empresa: History, A&E, Lifetime e H2. Agora, traz para o Portal Comunique-se a "Imprensa Mahon", projeto que está no ar no YouTube desde 2016.

COMENTAR

COMENTAR