OPINIÃO

Como você gosta do seu “etc.”? – por Edson de Oliveira

edson de oliveira escreve artigo sobre uso de “etc.”
(Imagem: reprodução)

O uso do termo não é tão simples quanto parece, explica o articulista-parceiro do Portal Comunique-se, Edson de Oliveira. Ele explica que o termo vem do latim, que Estadão e Folha têm padrões diferentes “etc.”

O Manual de Redação e Estilo, do jornal O Estado de S. Paulo, usa vírgula antes de “etc.”:

“Comprou camisas, calças, meias, etc.”.

O Manual da Redação, da Folha de S.Paulo, não:

“Comprou camisas, calças, meias etc.”.

E o Manual de Comunicação da Secom (Senado Federal) diz que o sinal é facultativo, recomendando, no entanto, evitá-lo.

Leia mais:

E você, como gosta do seu “etc.”?

Nos textos que escrevo ou reviso, sigo a Folha, nada de vírgula antes de “etc.”, a não ser que o cliente, que paga para não ser contrariado, exija, porque, se a expressão latina da qual se originou “etc.” quer dizer “E outras coisas”, o que estaria fazendo a vírgula antes da abreviação?

“Nos textos que escrevo ou reviso, sigo a Folha, nada de vírgula”. Edson de Oliveira

Em sua forma latina, a conjunção aditiva “e” em “etc.” passa tão despercebida que, como se não bastasse esta abreviação ser antecedida por uma incoerente vírgula, aparece precedida por outro “e”:

“A escola está precisando de livros, cadernos, canetas, e etc.”.

Outro que passa despercebido é o ponto abreviativo, que só deve ser dispensado quando “etc.” for seguido de ponto-final (.) ou reticências (…).

Somente para coisas?

Levada ao pé da letra, a redução latina deveria ser empregada para enumerar apenas coisas:

“A escola está precisando de livros, cadernos, canetas etc.”.

Mas, uma vez que nem quem aprendeu latim a emprega de forma coerente, passou a ser usada para enumerar também pessoas:

“Fazia tempo que eu não via Rute, Judite, Maria etc.”.

Ou ocupando o lugar que caberia a “et al.”:

“As lituanas, as estonianas et al.”.

SOBRE O AUTOR

avatar

Edson de Oliveira

Revisor há mais de 20 anos, corrigindo principalmente legendas de vídeo, transcrição de áudio, textos jornalísticos e acadêmicos, é editor dos blogues “EFMérides” e “Blogue da Revisão”.

COMENTAR

COMENTAR