ESPECIAIS

Comunique-se é uma das melhores para trabalhar na AL

rose silva - rodrigo azevedo - comunique-se - america latina - gptw
Rose Silva e Rodrigo Azevedo com troféu internacional do GPTW (Imagem: divulgação)

Pelo nono ano consecutivo, empresa é reconhecida pelo Great Place to Work (GPTW). Premiação ocorre em nível internacional, com o Comunique-se figurando em lista de melhores corporações para trabalhar na América Latina

Criado a partir do sonho de um empreendedor carioca, o Comunique-se conquista reconhecimento e prestígio em nível internacional antes mesmo de chegar à maioridade. No ano em que completa 18 anos no mercado de tecnologia e comunicação do país (aniversário em setembro), a empresa já tem o que comemorar. A marca acaba de romper a barreira do Brasil, sendo reconhecida como um dos melhores lugares para se trabalhar na América Latina. A premiação faz parte do Great Place to Work (GPTW).

A lista de melhores do continente latino-americano do GPTW de 2019 foi anunciada em premiações simultâneas espalhadas pela região na noite desta quarta-feira, 22. No Brasil, o evento foi realizado no Bisutti Cardoso de Melo, no bairro paulistano da Vila Olímpia. Na premiação, o Comunique-se esteve representado por Rodrigo Azevedo, o empreendedor carioca que transformou seu sonho em realidade há quase 18 anos. Presidente e sócio-fundador do Comunique-se, ele esteve acompanhado de Rose Silva, sócia e diretora comercial.

Você sabia? Natural do Rio de Janeiro, Rodrigo Azevedo não é jornalista. Ele é formado na área de TI

No ranking GPTW para toda a América Latina, o Comunique-se debuta em posição nobre. A empresa aparece na 47ª colocação — sendo a quinta entre as brasileiras. A lista se refere a corporações gerais (sem a delimitação por um nicho de atividade em específico), mas que estejam dentro da classificação de “médio porte”. A presença entre as melhores latino-americanas representa um salto para a empresa. Há uma década, a marca não aparecia nem em disputas segmentadas do Great Place to Work e, em 2011, era considerada destaque em nível restrito ao Rio de Janeiro.

“Esse reconhecimento mostra que vale a pena correr atrás dos seus sonhos. Nasci numa família de classe média alta, mas um incidente com meu pai me fez ver de perto a pobreza. Tive força e perseverança para conseguir dar a volta por cima. Hoje, depois de trabalhar e investir no projeto em que acreditava, posso dizer que faço parte de uma das melhores empresas da América Latina”, comemora Rodrigo Azevedo, relembrando um pouco de sua própria história. “Que o mundo nos aguarde”, complementa o executivo — e sonhador — que segue à frente do Comunique-se.

rose silva - rodrigo azevedo - comunique-se - america latina - gptw - 2
(Imagem: divulgação)

GPTW & Comunique-se

O reconhecimento internacional entra para a galeria de premiações conquistadas pelo Comunique-se junto ao GPTW ao longo dos últimos nove anos. Somando ao de agora, a empresa tem em mãos 15 troféus do evento. A série de conquistas teve início em 2011, quando apareceu na lista de melhores empresas para se trabalhar no Rio de Janeiro. Em 2018, já com status de corporação de “médio porte”, o Comunique-se teve dupla conquista: top 5 no Rio de Janeiro e top 15 na lista voltada aos destaques de todo o Brasil.

comunique-se - gptw - américa latina - rodrigo azevedo
(Arte: Canva.com/Anderson Scardoelli)

Respeito e valorização

Funcionários bem tratados independentemente de cor, etnia, gênero, orientação sexual e idade. Respeito. Esses fatores são alguns dos destaques positivos que fazem do Comunique-se um dos melhores lugares para se trabalhar em toda a América Latina. Pontos que foram registrados na pesquisa realizada pela equipe do GPTW com os colaboradores da casa. Pontos que se somam a, por exemplo, investimentos em aprendizagem profissional e reconhecimento interno — como no caso deste redator, que entrou para a família Comunique-se em 2009 como estagiário e hoje é pós-graduado e editor.

arte - rodrigo azevedo - comunique-se - america latina - gptw
(Arte: Ygor Ribeiro)

SOBRE O AUTOR

Anderson Scardoelli

Anderson Scardoelli

Jornalista, 29 anos. Formado pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e pós-graduado em jornalismo digital pela ESPM. Há dez anos no Grupo Comunique-se, onde idealizou os projetos 'Correspondente Universitário' e 'Leitor-Articulista'. Na empresa, já atuou como freelancer (inserção de conteúdo), estagiário de pesquisa, estagiário de redação, trainee de redação, subeditor e editor-júnior. É, desde maio de 2016, o editor responsável pelo Portal Comunique-se e pelo conteúdo do Prêmio Comunique-se.

COMENTAR

COMENTAR

Prêmio Comunique-se