Portal Comunique-se

Mais uma mudança na CNN Brasil

banner - aniversário - comunique-se (1)

Movimentações na emissora chegam à parte de atendimento à imprensa

A semana começa com mais uma notícia sobre mudança na CNN Brasil. De hoje em diante, a Spokesman Comunicação deixa de ter a emissora de notícias como cliente na parte de relações públicas. O fim da parceria foi anunciado pela agência em comunicado divulgado na manhã desta segunda-feira, 17.

Leia mais:

O comunicado marca, assim, o fim de uma trajetória que começou antes mesmo de a CNN Brasil começar a ser transmitida na televisão por assinatura, em março de 2020. Isso porque a Spokesman Comunicação era o elo entre o projeto e profissionais da imprensa desde janeiro de 2019 — época em que a chegada da emissora ao Brasil foi divulgada.

“Com muita satisfação, pudemos anunciar à imprensa a chegada de talentos e profissionais, destaques institucionais e de conteúdo das atrações, além de todas as conquistas neste período”, afirma a Spokesman em nota assinada pelos seus dois principais executivos: Ricardo Frota e Maurício Storelli. “Nosso agradecimento a todos vocês pela atenção e profissionalismo”, prossegue a dupla.

Spokesman sem a CNN Brasil

Sem a conta de relações públicas da CNN Brasil, a Spokesman Comunicação seguirá ativa na parte de atendimento a veículos de comunicação. A agência é responsável por cuidar de forma estratégica da divulgação dos índices de audiência do SBT. Além disso, produz conteúdos em vídeo para clientes de diversos segmentos, o que ocorre de forma personalizada.

Sequência de mudanças na CNN Brasil

A informação relacionada à Spokesman Comunicação acaba por ser mais um episódio na recente sequência de mudanças na CNN Brasil. Em março, dias após o canal comemorar um ano no ar, Douglas Tavolaro deixou o cargo de CEO e vendeu sua parte no negócio para Rubens Menin, que tornou-se o único acionista do projeto.

Sem Tavolaro, Menin escolheu Renata Afonso, ex-TV TEM, para desempenhar a função de CEO. Desde que ela foi confirmada para o cargo, ao menos três mudanças ocorreram na equipe à frente das câmeras:

  1. Gloria Vanique deixou a apresentação do ‘360’ e, oficialmente, aguarda por novo projeto;
  2. Um dos comentaristas de política em Brasília, Igor Gadelha foi demitido;
  3. Após a dispensa de Gadelha, Gustavo Uribe, também especialista na cobertura dos bastidores do poder no Distrito Federal, foi contratado.

O fim do contrato entre Spokesman Comunicação e CNN Brasil ocorre justamente no dia em que Renata Afonso assumiu o posto de CEO da emissora hard news. Ao começar oficialmente o trabalho, a executiva não falou sobre a parte de relações públicas, mas demonstrou entusiasmo com a possibilidade de crescimento do projeto.

“Crescimento constante e sobre alicerces de independência e imparcialidade”

“Juntos, iremos conduzir a CNN a patamares mais elevados, em uma curva de ascensão com bases sólidas, de crescimento constante e sobre alicerces de independência e imparcialidade. Ouso dizer que ainda somos tímidos perto do nosso potencial de expansão”, afirmou Renata, conforme divulgado pelo site da própria emissora de TV.

renata afonso - ceo - cnn brasil
A CEO Renata Afonso está animada com o futuro da CNN Brasil. Imagem: Divulgação
Compartilhe
0
0

Anderson Scardoelli

Jornalista, 31 anos. Natural de São Caetano do Sul (SP) e criado em Sapopemba, distrito da zona lesta da capital paulista. Formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e com especialização em jornalismo digital pela ESPM. Trabalhou de forma ininterrupta no Grupo Comunique-se durante 11 anos, período em que foi de estagiário de pesquisa a editor sênior. Em maio de 2020, deixou a empresa para ser repórter do site da Revista Oeste. Após dez meses fora, voltou ao Comunique-se como editor-chefe, cargo que ocupa atualmente.

banner-portal-cse-semana-do-cliente-dino (1)

Papo de Redação

Prêmio Comunique-se

Patrocinadores Ouro

Patrocinadores Ouro



Patrocinadores Prata

Patrocinadores Prata



Patrocinadores Bronze

Patrocinadores Prata