ESPECIAIS

CNN Brasil recruta mais um jornalista do Grupo Globo

cnn brasil - canoplas - Lourival Sant’Anna - Renata Agostini - Marcela Rahal - comentaristas e repórteres - jornalistas
(Imagem: divulgação/CNN Brasil)

Mais um jornalista reforça a equipe da CNN Brasil neste começo de ano. Repórter e apresentador, Diego Sarza troca o Grupo Globo, onde vinha atuando na GloboNews, pelo mais novo projeto da imprensa do país

Assim como ocorreu em 2019, a CNN Brasil inicia 2020 desfalcando o Grupo Globo. Na manhã desta segunda-feira, 13, a emissora de TV que deve estrear em março anunciou mais uma contratação. Repórter e apresentador, Diego Sarza deixa a GloboNews para encarar novo desafio profissional. Assim, o jornalista se juntará a colegas que no ano passado já haviam se movimentado. Monalisa Perrone, Mari Palma e Phelipe Siani são alguns dos que trocaram de emprego ao decorrer dos últimos meses.

Leia mais:

Escalado para compor a redação da CNN Brasil no Rio de Janeiro, Diego Sarza já sabe qual será a sua função. Ele ficará responsável pela apresentação de boletins que serão inseridos ao longo da programação do canal. O foco dos blocos serão notícias relacionadas à capital e demais cidades fluminenses. Para essa missão, o jornalista contará com apoio dos comentaristas e repórteres da emissora.

“É uma grande realização profissional trabalhar na CNN. Para um garoto que cresceu na periferia de Salvador, chegar na minha idade ocupando o cargo de âncora do maior canal de notícias do mundo é a realização de um sonho”, conta Diego Sarza, destacando sua origem baiana (e humilde). “Estou muito feliz e muito empolgado em fazer parte de um projeto que já nasce tão forte, como o da CNN”, comemora o jornalista que já se despediu da GloboNews e, consequentemente, do Grupo Globo.

O jornalista Diego Sarza. Da GloboNews para a CNN Brasil. (Imagem: divulgação)
O jornalista Diego Sarza. Da GloboNews para a CNN Brasil. (Imagem: divulgação)

Hora de mudança

Diego Sarza afirmou, por meio de publicação em seu perfil no Instagram que, juntamente com o novo ano, chegou a hora de ele respirar novos ares no telejornalismo nacional. “Depois de sete anos na Globo, chegou a hora de mudar. O sentimento é de gratidão: pelas oportunidades, pelo aprendizado, por tudo que pude vivenciar. Foram tempos incríveis em Curitiba e no Rio”, pontuou o jornalista, somando aos tempos de GloboNews os quatro anos dedicados à RPC, afiliada global no Paraná.

“Participei de todos os jornais locais e nacionais e tive a honra de compor o bravo time da GloboNews nos três últimos anos. Cresci e aprendi tanto!”, destacou o mais novo contratado da CNN Brasil — com direito a imagens em que aparece em reportagens para noticiários como o ‘Jornal Nacional’ e no estúdio do veículo que “nunca desliga”. “Agora, chegou o momento de me desafiar a novos cenários e viver novas experiências (..) Que continuemos juntos!”, prosseguiu o jornalista que, em nova casa, almeja seguir com a companhia do público.

diego sarza - grupo globo - globonews - cnn brasil - jornalista
Diego Sarza usou o Instagram para relembrar momentos de sua carreira (até aqui) no telejornalismo. (Imagem: reprodução)

Bahia, Paraná e Rio de Janeiro

Natural do subúrbio de Salvador, como ele mesmo faz questão de lembrar, Diego Sarza deu os primeiros passos profissionais na comunicação social em Curitiba. Na capital paranaense, concluiu a graduação de jornalismo como bolsista. Entre períodos de estágio e jornalista recém-formado, atuou em emissoras de rádio, chegando a ser contratado da BandNews FM local.

Ainda no Paraná surgiu a primeira oportunidade no telejornalismo. Permaneceu por quatro anos na RPC, afiliada à Rede Globo no estado sulista. Com trabalhos de destaque, como cobertura da Operação Lava Jato, conquistou um prêmio de jornalismo da Globo em 2015. Um ano depois, foi contratado pelo Grupo Globo, sendo aproveitado nas reportagens e na apresentação da GloboNews, ficando baseado desde então no Rio de Janeiro.

Tal bagagem de vida e de telejornalismo faz com que Diego Sarza chegue à CNN Brasil com moral junto à chefia. “O Diego é um profissional jovem e com grande experiência em coberturas ao vivo”, diz Douglas Tavolaro, co-fundador e diretor-presidente do projeto CNN Brasil. O executivo aponta, contudo, que o jornalista terá responsabilidade. “[Ele] será nosso âncora no Rio de Janeiro e terá a responsabilidade de comandar as notícias direto de uma das mais importantes cidades do Brasil e do mundo. Ele estará conosco já a partir da estreia, em março”.

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Orelhudo, observador e contador de histórias. Não necessariamente nessa ordem. De sua querida Estância Turística de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, para o mundo. Graduado em jornalismo pela Uninove e com especialização em jornalismo digital pela ESPM, mas gosta mesmo de dizer que foi formado pelo Comunique-se. Trabalha na empresa há mais de 10 anos, indo de estagiário de pesquisa a editor sênior. No meio do caminho, foi estagiário de redação, trainee, subeditor, editor júnior e editor pleno. Gosta de escrever e de falar sobre (adivinhem?) jornalismo!

COMENTAR

COMENTAR

COMO AGÊNCIAS PODEM CRESCER FATURAMENTO COM O INFLUENCER MARKETING?

Webinar

14/07 às 16:00