COMUNICAÇÃO

Coronavírus afasta Mari Palma e Phelipe Siani da TV

mari palma e phelipe siani no estúdio do 'live cnn' - CNN Brasil - coronavírus
Os jornalistas Maria Palma e Phelipe Siani no estúdio do ‘Live CNN’. Casal que trabalha junto, cumpre quarentena junto. (Imagem: divulgação/CNN Brasil)

Âncoras do ‘Live CNN’ começam a cumprir quarentena. Comunicadora apresenta sintomas do novo coronavírus

CNN Brasil define dupla que irá substituir Phelipe Siani e Mari Palma nos próximos dias na TV

A saída de Gabriela Prioli do quadro ‘O Grande Debate’ não é a única mudança da CNN Brasil neste início de semana. Titulares do matinal ‘Live CNN’, Mari Palma e Phelipe Siani ficarão afastados da TV (e de qualquer outra atividade profissional) ao decorrer das próximas semanas. O casal de jornalistas começou a cumprir quarentena nesta segunda-feira, 30. Tudo sob recomendação médica, já que a apresentadora teve sinais de estar infectada com o novo coronavírus.

Leia mais:

BandNews abre sinal e tem estreia “totalmente excelente”
Sikêra Jr. registra audiência histórica na tela da RedeTV
“Nossa concorrência é a desinformação”, avisa jornalista

Afastada do estúdio de TV, Mari Palma usou o Instagram, plataforma em que conta com mais de 1,5 milhão de seguidores, para mostrar que não está desligada da emissora. “Agora a gente vê o @livecnnbrasil de casa”, publicou, com o texto acompanhado de imagem em que mostra o aparelho televisor sintonizado na CNN Brasil.

Na sequência da mensagem, a jornalista explicou os sintomas que vem apresentando, seguido do parecer médico. “Eu parei de sentir cheiro e gosto do nada, uma coisa muito esquisita. Fiz uma tomografia que mostrou um pequeno acometimento do pulmão, o que fez o médico apontar coronavírus. Por isso, começa agora o nosso isolamento total em casa”.

View this post on Instagram

agora a gente vê o @livecnnbrasil de casa. o que aconteceu: eu parei de sentir cheiro e gosto do nada, uma coisa muito esquisita. fiz uma tomografia que mostrou um pequeno acometimento do pulmão, o que fez o médico apontar coronavírus. por isso começa agora o nosso isolamento total em casa. . obrigada por todas as mensagens e desejos de melhoras. eu tô me sentindo bem, só com falta de paladar e olfato mesmo. vou ficar em casa pra não correr o risco de transmitir esse vírus que pode ser muito grave pra outras pessoas. e aproveito pra pedir o mesmo pra vcs: fiquem em casa. já já isso vai passar e todo mundo vai tá junto de novo 💛✨ . @diegosarza e @elisaveeck obrigada por cuidarem da casinha!

A post shared by mari palma (@maripalma) on

Conectada, ela ainda agradece o carinho demonstrado por internautas. E, por fim, salienta os cuidados a serem tomados em relação ao novo coronavírus. “Obrigada por todas as mensagens e desejos de melhoras. Eu ‘tô’ me sentindo bem, só com falta de paladar e olfato mesmo. Vou ficar em casa para não transmitir esse vírus, que pode ser muito grave para outras pessoas. E aproveito para pedir o mesmo para vocês: fiquem em casa. Já, já isso vai passar e todo mundo vai ‘tá’ junto de novo”, divulgou Mari Palma.

“Aproveito para pedir o mesmo para vocês: fiquem em casa”

Companheiro de bancada e de vida da apresentadora, Phelipe Siani avisou que também pode estar com coronavírus, mas sem apresentar nenhum sintoma até o momento. “Eu, se tiver, sou assintomático. Como a gente tá junto o tempo todo, fomos colocados em quarentena também juntos”, publicou o apresentador sobre o fato também de ter de se afastar da TV.

Momentaneamente fora do dia a dia da redação da CNN Brasil, Phelipe Siani compartilhou com o público que o acompanha no Instagram o que ele fará durante o período de quarentena. “Agora é trabalho, leitura, videogame e isolamento. Todos os jornalistas acabam se expondo muito para levar informação num momento como esse pra quem tá em casa. Respeitem o trabalho de quem não pode fazer home office. E respeitem esse momento. Vai passar!”.

View this post on Instagram

Pois é, gente. Estamos em quarentena. Mari começou a apresentar sintomas de covid-19, principalmente os sintomas q tão sendo estudados agora em pacientes mais jovens. Ela perdeu totalmente o olfato e o paladar. Diante disso, a gente foi ao hospital e fizemos exames. Mari tá com um comprometimento leve dos pulmões e, pelo quadro geral, foi diagnosticada com o novo coronavírus. Eu, se tiver, sou assintomático. Como a gente tá junto o tempo todo, fomos colocados em quarentena tbm juntos. Agora é trabalho, leitura, videogame e isolamento. Todos os jornalistas acabam se expondo muito pra levar informação num momento como esse pra quem tá em casa. Respeitem o trabalho de quem não pode fazer home office. E respeitem esse momento. Vai passar!

A post shared by Phelipe Siani (@phelipe.siani) on

‘Live CNN’

Diante do afastamento de Mari Palma e Phelipe Siani por causa do novo coronavírus, a direção da CNN Brasil já definiu quem serão os jornalistas que terão a responsabilidade de tocar as próximas edições do ‘Live CNN’. Exibido das 10h às 13h, o programa será conduzido por Elisa Veeck e Diego Sarza. Com isso, ela deixa o boletim madrugador ‘Newsroom’, enquanto que ele dá um tempo na função de âncora do canal no Rio de Janeiro — uma vez que a atração é gerada a partir da matriz da marca em São Paulo.

elisa veeck e diego sarza - 'live cnn' - cnn brasil
Elisa Veeck e Diego Sarza comandaram o ‘Live CNN’ nesta segunda, 30. (Imagem: reprodução/CNN Brasil)

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Orelhudo, observador e contador de histórias. Não necessariamente nessa ordem. De sua querida Estância Turística de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, para o mundo. Graduado em jornalismo pela Uninove e com especialização em jornalismo digital pela ESPM, mas gosta mesmo de dizer que foi formado pelo Comunique-se. Trabalha na empresa há mais de 10 anos, indo de estagiário de pesquisa a editor sênior. No meio do caminho, foi estagiário de redação, trainee, subeditor, editor júnior e editor pleno. Gosta de escrever e de falar sobre (adivinhem?) jornalismo!

COMENTAR

COMENTAR