PAUTAS & NOTAS

Plural: Curitiba ganha mais um site de jornalismo

plural - capa
(Imagem: divulgação)

Plural está no ar desde janeiro. Com conteúdo informativo e educativo, site conta com modelo de assinaturas. Projeto se propõe a produzir jornalismo a partir de Curitiba

Desde janeiro de 2019, o público de Curitiba conta com mais uma opção de veículo de comunicação digital. Com reportagens e análises referentes aos temas relacionados à cidade e a todo estado do Paraná, o Plural conta com conteúdo multimídia. O projeto de jornalismo online conta com reportagens exclusivas, artigos, crônicas, charges, podcasts e vídeos.

A criação do site

O site Plural começou a surgir em novembro, quando o jornalista Rogerio Galindo deixou a equipe da Gazeta do Povo. Por lá, ele mantinha o blog político Caixa Zero. Ao lado da mulher, a também jornalista Rosiane Correia de Freitas, o profissional pretendia, inicialmente, reativar sua atuação na blogosfera. A concepção do projeto, contudo, cresceu em parceria com o casal Mauricio Ramos e Virgínia Moraes Ramos, da Social Ideias, e o cartunista Benett.

“A cidade tem uma multidão de repórteres qualificados e premiados, que hoje estão subutilizados. Vamos mostrar que é possível fazer jornalismo de qualidade sem gastar rios de dinheiro”, afirmou, na época do lançamento do site, o criador Rogerio Galindo. Além de repórteres, o Plural conta com colunistas colaboradores.

jornal plural divulgação (1)
Equipe do site Plural (Imagem: divulgação)

Modelo de negócios

Num primeiro momento, o Plural investe em planos de assinaturas como forma de rentabilização dos trabalhos. Atualmente, é possível se tornar um assinante do site pelo valor mensal de R$ 15,00. O acerto dá direito ao leitor de fazer parte da rede de descontos promovida pela VipClub. Por enquanto, o conteúdo do site é aberto, mas a ideia é restringir o acesso irrestrito ao público assinante.

Leia mais – ‘Pautas & Notas’:

Tags

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Orelhudo, observador e contador de histórias. Não necessariamente nessa ordem. De sua querida Estância Turística de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, para o mundo. Graduado em jornalismo pela Uninove e com especialização em jornalismo digital pela ESPM, mas gosta mesmo de dizer que foi formado pelo Comunique-se. Trabalha na empresa há mais de 10 anos, indo de estagiário de pesquisa a editor sênior. No meio do caminho, foi estagiário de redação, trainee, subeditor, editor júnior e editor pleno. Gosta de escrever e de falar sobre (adivinhem?) jornalismo!

COMENTAR

COMENTAR