AUDIÊNCIAS

Fórmula 1 ajuda Band a conquistar audiência e patrocinadores

fórmula 1 - band - audiência - anunciantes - 1
Imagem: divulgação

Evento automobilístico faz emissora crescer no Ibope e a captar anunciantes

Mais uma vez, a transmissão de um grande prêmio de Fórmula 1 fez a Band crescer no Ibope na Região Metropolitana de São Paulo. A prova realizada no último domingo, 2, rendeu o dobro de audiência para a emissora, isso em comparação om o resultado alcançado na semana anterior.

Leia mais:

De acordo com o colunista Gabriel Vaquer, do UOL, a TV Bandeirantes registrou média de 4 pontos no Ibope no decorrer da exibição da prova automobilística. Durante a transmissão, o veículo de comunicação alcançou pico de 5 pontos.

No geral, a corrida de Fórmula 1 fez com que, na média, a Band ocupasse a terceira colocação no Ibope na Grande São Paulo, ficando empatada com a Record TV. Rede Globo e SBT ficaram na primeira e segunda posição. Marcaram 7,2 e 4,4 pontos, respectivamente.

Ainda segundo Vaquer, a Band ocupou a vice-liderança do Ibope durante três minutos, tempo que ficou atrás somente da Globo. Em outros 52 minutos, o canal ficou isolado na terceira colocação da audiência.

Audiência e patrocínio

O investimento em adquirir os direitos de transmissão da Fórmula 1 na televisão brasileira também tem atraído anunciantes ao Grupo Bandeirantes de Comunicação. O comercial do conglomerado de mídia segue fechando cotas de patrocínio em relação à exibição dos grandes prêmios da principal competição de automobilismo do mundo. Depois de Claro e Philco, a Band contará com patrocínio da cervejaria Heineken, conforme informa o colunista Flávio Ricco, do portal R7.com.

Advertisement

SOBRE O AUTOR

avatar

Anderson Scardoelli

Jornalista, 31 anos. Natural de São Caetano do Sul (SP) e criado em Sapopemba, distrito da zona lesta da capital paulista. Formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e com especialização em jornalismo digital pela ESPM. Trabalhou de forma ininterrupta no Grupo Comunique-se durante 11 anos, período em que foi de estagiário de pesquisa a editor sênior. Em maio de 2020, deixou a empresa para ser repórter do site da Revista Oeste. Após dez meses fora, voltou ao Comunique-se como editor-chefe, cargo que ocupa atualmente.

COMENTAR

COMENTAR